Maior ilha do Mediterrâneo, a Sicília tem condições perfeitas para o cultivo de vinho. Não por acaso, é a região com mais vinícolas na Itália. É famosa pelo Marsala, um vinho que normalmente é enriquecido com brandy e é usado na cozinha para criar molhos inesquecíveis. Sua uva mais típica, no entanto, é a Nero d’Avola, que serve como base para o vinho mais importante da Sicília. Zibibbo é outro vinho aromático produzido na ilha siciliana cujas uvas são deixadas para fermentar ao sol, oferecendo-lhes características semelhantes ao Marsala, embora com menor teor alcoólico. Os vinhos mais suaves, produzidos em torno do Monte Etna, estão se tornando cada vez mais populares e são feitos com uvas Nerello, Frappato e Catarratto. Já os vinhos feitos a partir de uvas brancas típicas mais populares são o Inzolia e o Grillo.